21 de abr de 2013

sobre a nao-desistencia

Tem coisas que a gente demora um pouco pra entender

Como ir em restaurante nem sempre é um programa legal
Como visitar Paris com um caderninho na mao procurando um cafe é cafona

Como comprar chapeu panama em lojinha de souvenir é babaca

Como um estado paternalista nem sempre significa um pais de primeiro mundo

Como é chato discutir na internet

Como é chato querer ter sempre razao, sobretudo quando cada um tem sua propria razao


e na vida, as vezes so temos que ser ativos

quer dizer, na minha vida, eu so tenho é que ser ativa


me defendo dizendo que sou contemplativa

mas na verdade acho acontece mesmo é uma lentidao e preguiça de pensar
e um rebuscamento da linguagem
e a revelacao:
so escrevo coisas mela-cuecas


pois é, caiu. eu tenho controle da linguagem, na maioria das vezes, ao menos

precisava mesmo era limpar o texto

trabalhar ativamente cada poeminha


mas tenho essa coisa, de achar que um talento vem assim
pronto

um dia alguem vai reconhecer

mas tem tanta gente dizendo tanta coisa por ai
tanta tanta

que eu to é cansada de tanta democracia a favor da burrice


que to cansada de tambem de ter algo a dizer sobre isso

e, veja, demorei pra entender

apesar de ja ter parado de escrever

   Tudo o que eu faço
alguém em mim que eu desprezo
      sempre acha o máximo.

      Mal rabisco,
não dá mais para mudar nada.
      Já é um clássico.

[do livro Distraídos Venceremos]